CAF se solidariza com o Chile devido aos incêndios florestais

05 de fevereiro de 2024

A CAF colocou à disposição da República do Chile uma doação de 250 mil dólares para enfrentar a catástrofe causada pelos incêndios florestais.

CAF se solidariza com o Chile devido aos incêndios florestais

O CAF -o banco de desenvolvimento da América Latina e do Caribe- disponibilizou à República do Chile uma doação de 250 mil dólares para enfrentar a catástrofe causada pelos incêndios florestais que resultaram na lamentável morte de dezenas de cidadãos, além de significativas perdas materiais, de infraestrutura e biodiversidade nas áreas afetadas.

O presidente executivo do CAF -o banco de desenvolvimento da América Latina e do Caribe, Sergio Díaz-Granados, enviou uma carta ao presidente do Chile, Gabriel Boric, expressando a solidariedade da instituição diante dos devastadores incêndios ocorridos na região de Valparaíso.

Na carta, Díaz-Granados expressa "nossa mais profunda solidariedade com os efeitos devastadores do voraz incêndio que assola a região de Valparaíso, o qual causou perdas humanas sensíveis e danos materiais consideráveis."

Ele também destaca os esforços coordenados pelo Governo chileno para apoiar os afetados, bem como a resiliência da população diante da crítica situação.

“Expresso nosso reconhecimento pelas ações tomadas pelo Governo Nacional para apoiar os afetados e pela resiliência da população para enfrentar tal situação complexa”, Díaz-Granados apontou na carta e acrescentou: “Manifestamos nossa mais profunda solidariedade com os diversos focos de incêndio que estão devastando a região de Valparaíso”, ao mesmo tempo que disponibilizou apoio técnico e financeiro do CAF para buscar uma solução estrutural para um fenômeno que é cada vez mais frequente e intenso.

Por meio dessa contribuição, o CAF visa apoiar os afetados pelos incêndios, bem como contribuir para os processos de recuperação e reconstrução das perdas materiais registradas na área e colaborar com o país diante da catástrofe causada pelos incêndios florestais mais severos da última década.